clinicabessaago21
clinicabessaago21

Desvio de septo

O que é 
O septo nasal é a parede que separa o lado esquerdo do lado direito do nariz. É uma estrutura firme, porém flexível, coberta por mucosa e rica em vasos sanguíneos. O ideal é que ele se localize no meio, de forma que os lados do nariz sejam iguais. Algumas pessoas têm um pequeno desvio natural, quase imperceptível, que deixa o nariz desalinhado, além de alterar o padrão de corrente de ar, podendo bloquear o lado estreitado.

Causas
Pode ser um distúrbio congênito; manifestar-se na infância, durante o desenvolvimento dos ossos da face, ou com o avançar da idade; ou ser provocado por traumas e contusões.

Sintomas
Dificuldade respiratória, congestão nasal, infecções nos seios paranasais, dor facial, cefaleia, espirros constantes e predisposição a rinites e sinusites. Também são frequentes: respiração bucal, respiração ruidosa durante o sono (principalmente em crianças e bebês), cansaço, dificuldades para dormir e ronco.
Muitas pessoas possuem o desvio e respiram muito bem, só percebendo os sintomas durante um resfriado ou outra infecção das vias respiratórias.

Diagnóstico
É feito pelo médico otorrinolaringologista através de exame clínico e do uso de um instrumento para abrir e visualizar o interior das narinas.

Tratamento
Nem sempre os desvios de septo precisam ser corrigidos cirurgicamente. A septoplastia é indicada quando a distorção dificulta a passagem do ar pelas vias aéreas. O ideal é realizá-la a partir do final da adolescência, quando o nariz já parou de crescer. No entanto, se a alteração prejudicar muito a função respiratória, ela pode ser feita ainda na infância. Nessa idade, porém, é maior o risco de o desvio voltar.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest