clinicabessaago21
clinicabessaago21

Dormência

O que é
Sensação que resulta da falta de suprimento sanguíneo para uma área ou danos nos nervos. Surge em situações cotidianas como ficar muito tempo com o peso sobre uma perna ou braço até em emergências como infarto.

Causas
Origem nervosa: essa é a principal causa e se manifesta porque uma raiz nervosa é comprimida. Nesses casos, o incômodo se mantém por mais tempo. Frequentemente, as mulheres reclamam de formigamento nas mãos com dor ou diminuição da força que costuma ser uma compressão no nervo mediano (a chamada síndrome do túnel do carpo que tem tratamento específico). Quando a dormência irradia para o braço esquerdo e mantém certa relação com o esforço físico pode haver algum problema cardiológico (angina ou início de infarto do miocárdio) e um médico deve ser consultado para esclarecimentos. Outras situações que merecem atenção médica são hérnias de disco, radiculites, vícios de postura e doenças neurológicas.
Origem vascular: quando a circulação é diminuída ou interrompida numa parte do corpo (exemplos: sensação do pé e da perna dormir por ficarem comprimidos e muito na mesma posição). Essas dormências desaparecem rapidamente.

Sintomas
Além da sensação anormal, os casos mais graves dão conta de confusão ou perda de consciência (nem que seja brevemente), perda repentina do campo visual e distúrbios da fala.

Diagnóstico
Leva em conta o histórico familiar, a análise do quadro (duração, frequência e circunstâncias do início dos sintomas) e exames complementares, entre eles: eletromiograma- pequenos choques elétricos nos dedos para avaliar a resposta; ensaios sensoriais- medem o tempo de transmissão de impulsos nervosos para o cérebro e ressonância magnética- permite uma investigação mais detalhada.

Como tratar
As dormências benignas não exigem tratamento e desaparecem espontaneamente (esfregando a área). As demais dependem das condições associadas e podem ser tratadas com cirurgia, descanso, fisioterapia, antiinflamatórios, quimioterapia, radioterapia e amputação.

Para aliviar
– Mantenha uma boa postura;
– Distribua o peso quando for necessário carregar objetos;
– Faça pausas a cada meia ou uma hora quando executar tarefas repetitivas que utilizem muito o punho;
– Consuma alimentos saudáveis e faça exercícios regularmente para proteger o coração e o cérebro;
– Cuide da hipertensão, do diabetes e do colesterol elevado;
– Evite a obesidade e não fume.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest