clinicabessaago21
clinicabessaago21

Foliculite

O que é
Infecção dos folículos pilosos que pode levar a perda permanente do cabelo e cicatrizes.

Causa
Está associada a alta quantidade de bactérias, como o estafilococo

Sintomas
A superficial afeta apenas a parte superior do folículo piloso, provocando pequenas espinhas vermelhas (com ou sem pus), vermelhidão na pele, coceira e sensibilidade na região. Já a profunda pode formar furúnculos, deixando grandes áreas avermelhadas, lesões volumosas com pus amarelado e grande sensibilidade, dor e coceira local.

Tipos comuns
Foliculite Estafilocócica – quando os folículos pilosos (em qualquer região do corpo) são infectados com bactérias estafilococos.

Foliculite por pseudômonas (foliculite da banheira quente) – as bactérias pseudomonas aeruginosa proliferam em ambientes aquáticos em que os níveis de cloro e o PH não são bem regulados. Deixam erupções vermelhas nas áreas cobertas por roupa de banho, que coçam e chegam a formar pus.

Pseudofoliculite da barba – vem da repetição de fazer a barba, os pelos raspados crescem curvados e se voltam para o interior da pele. Deixa um aspecto de irritação e, à vezes, cicatrizes na face e no pescoço.

Foliculite Pitirospórica – manifesta-se em adolescentes e homens adultos por ação de um fungo que causa inflamações avermelhadas e coceira nas costas, no peito e até mesmo no pescoço, nos ombros, nos braços e na face.

Sycosis barba – inflamação em todo o folículo piloso após a rotina de barbear. Pequenas inflamações que aparecem no lábio superior, no queixo e na mandíbula. Em casos mais graves, pode deixar cicatrizes.

Foliculite gram-negativo – vinculada ao uso contínuo de antibióticos para tratar acnes, surge principalmente no nariz. Esses medicamentos produzem bactérias gram-negativas. Costumam sumir com interrupção do remédio, mas podem se espalhar pelo rosto e causar lesões graves.

Furúnculos e carbúnculos – ocorre quando há infecção com estafilococos, deixando a pele inchada, bem avermelhada e febril. Conforme a quantidade de pus no interior aumenta, a região se torna mais dolorosa. O carbúnculo é um aglomerado de furúnculos, geralmente na parte de trás do pescoço, ombros, costas e coxas. São infecções mais profundas e graves do que um único furúnculo. Quase sempre deixam pequenas cicatrizes.

Foliculite eosinofílica – acomete principalmente pessoas com HIV, deixando manchas inflamadas, feridas com pus, principalmente no rosto e, às vezes, nos braços, que podem coçar. As feridas costumam se espalhar, e deixam as áreas mais escuras do que a pele normal.

Diagnóstico
Costuma ser clínico, durante a consulta com o dermatologista, mas, em alguns casos, o médico pode ainda pedir exames laboratoriais a partir de secreções locais.

Tratamento
Os tipos leves costumam passar sozinhos. Mas, casos persistentes ou recorrentes podem exigir tratamento. A terapia depende do tipo e da gravidade da sua infecção. Na maioria das vezes, é feito com antibiótico tópico, oral ou uma combinação dos dois. Também pode haver recomendação para raspagem da área, até que a infecção sare.

Prevenção
– Mantenha a pele limpa, seca e livre de escoriações ou irritações;
– Evite ainda lavagens antissépticas rotineiramente para não ter a pele extremamente seca e livre de bactérias protetoras;
– Mantenha a pele hidratada;
– Tome cuidado ao fazer a barba, use gel de barbear, espuma ou sabão para lubrificar as lâminas e evitar cortes.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest