clinicabessaago21
clinicabessaago21

Gastrite

O que é
Uma inflamação global e superficial da mucosa gástrica (estômago).  Na gastritea destruição da mucosa não vai além da sua camada muscular e as lesões normalmente cicatrizam completamente.

Sintomas
Os mais comuns são dor, queimação na região do estômago ou aperto na parte alta do abdome, vômitos e náuseas, inchaço abdominal e digestão difícil.

Causas
Pode ser ocasionada por má alimentação; pelo uso exagerado de álcool (promove a diminuição de substâncias responsáveis pela proteção de muco do estômago contra o ácido), de cigarro e de remédios à base de acetilsalisílico e antiinflamatórios; pelo estresse (aumenta a liberação de cortisol e de adrenalina, que promovem uma maior produção de ácido pelo estômago) ou pelo aumento do número de bactérias Helicobacter pylori, que vivem naturalmente no tecido que reveste o estômago. Esses componentes, isolados ou associados, agridem a mucosa estomacal.

Tipos
Ela pode ser aguda (passageira) ou crônica.

Quem acomete mais
É mais comum em adultos, em sedentários e em pessoas que não apresentam hábitos de vida saudáveis.

Diagnóstico
É feito por meio do histórico clínico do paciente, de exame físico e da endoscopia digestiva alta para a confirmação final.

Tratamentos
No caso da gastrite aguda, o tratamento é associado ao uso de medicações antiinflamatórias. Já na gastrite crônica normalmente é feito com a administração de antibióticos e de bloqueadores da produção de ácido gástrico.

Conseqüências
Quando não tratada, a inflamação pode tornar-se mais intensa e virar úlcera (feridas na parede do estômago) que podem causar sangramento severo e agravar o estado de saúde do paciente.

Dicas de prevenção
* Nunca fique sem se alimentar por mais de 4 horas;
* Mastigue bem os alimentos;
* Evite dormir com o “estômago pesado” e ingerir alimentos no meio da noite;
* Abuse de frutas, hortaliças e cereais integrais, pois eles previnem o câncer gástrico, ajudam na normalização do funcionamento do intestino e são benéficas mesmo no tratamento de úlceras e gastrites;
* Deixe de fumar, pois o fumo dificulta a cicatrização da gastrite e da úlcera;
* Evite tomar aspirinas, antigripais e comprimidos para dor em geral, pois podem provocar irritação da mucosa do estômago;
* Evite refeições pesadas e gordurosas como feijoada e dobradinha;
* Evite frituras em geral e alimentos muito condimentados como picles, pimentão e berinjela
* Prefira água sem gás e dê preferência a sucos naturais. Os refrigerantes são bebidas ácidas e gasosas que, além de irritarem o estômago, causam desconforto devido à expansão dos gases.
* Não beba em excesso ou de estômago vazio. Bebidas alcoólicas são irritantes da mucosa do estômago e causam desconforto desnecessário.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest