clinicabessaago21
clinicabessaago21

Queimadura

O que é
Lesão na pele provocada, principalmente por calor, mas também por frio, eletricidade, produtos químicos, radiações e até fricções. A pele pode ser destruída parcialmente ou totalmente, atingindo desde pelos até músculos e ossos.

Tipos
1º grau – atinge a camada mais superficial da pele (epiderme) e apresenta lesão vermelha, quente e dolorosa, caso da queimadura solar;
2º grau superficial – gera bolhas e muita dor;
2º grau profunda – é menos dolorosa e traz base branca e seca. Os dois tipos podem deixar cicatrizes;
3º grau – dói menos (porque nervos foram destruídos), acomete todas as camadas da pele, podendo chegar até aos ossos e gerar sérias deformidades.

Tratamento
Depende do tipo de queimadura, as mais graves devem ser imediatamente tratadas em emergência médica.

Queimadura de 1º grau
Geralmente, requer compressas frias nas primeiras horas após o acidente e o médico pode recomendar óleo mineral ou vaselina líquida para manter a queimadura hidratada; uso de analgésico e uso constante de filtro solar.

Queimadura de 2º grau superficial
As bolhas devem ser drenadas pelo médico. Após o rompimento da bolha, o profissional recomenda curativos (com remédios específicos), limpeza com água corrente e clorexidina. Após a cicatrização, deve-se usar filtro solar para evitar o surgimento de manchas.

Queimadura de 2º grau profunda e 3º grau
Costuma exigir internação hospitalar, pois geralmente ocorrem manifestações sistêmicas, como desequilíbrio acentuado dos níveis de sódio, potássio e/ou cálcio e desidratação, necessidade de retirada de tecidos necrosados e partículas estranhas na ferida e mesmo realização de enxertos.
Todos os pacientes com queimaduras de 2º e 3º graus devem tomar vacina contra o tétano, ingerir muito líquido e manter os membros acometidos elevados, para alívio da dor e do edema.

Dicas
Não existe produto ou receita caseira que alivie na hora as dores e as lesões causadas pela queimadura. Pelo contrário: passar qualquer coisa aumenta o risco de infecção por bactérias, já que a pele fica mais vulnerável.
O ideal é sempre usar água para resfriar a área atingida. O paciente queimado não deve retirar a roupa em uso, ainda que houver sido atingida pelo fogo. O ideal é molhá-la e permanecer assim até a chegada ao pronto-socorro, para evitar que as bolhas estourem e que a pele seja arrancada.
Outro cuidado é retirar acessórios, como pulseiras e anéis, pois o corpo incha naturalmente após uma queimadura e esses objetos podem ficar presos.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest