clinicabessaago21
clinicabessaago21

Linfedema

O que é
Alteração na absorção ou condução da linfa (formada por líquidos e substâncias não retirados dos tecidos pelas veias) que resulta em um acúmulo localizado de líquido nos membros superiores ou inferiores.

Tipos e causas
Primário: ocorre no nascimento, na adolescência ou na idade adulta devido a uma deficiência do sistema linfático. Secundário: aparece após uma cirurgia (como de câncer de mama e remoção dos gânglios axilares) ou após tratamentos à base de radiações ou quimioterapia. Pós-traumático: manifesta-se quando a pessoa sofre fraturas, traumas e queimaduras ou fazer tatuagens. Pós-infecção: surge em função da destruição do vaso linfático seguido de processo infeccioso da pele e do tecido celular subcutâneo (erisipela).

Sintomas
Inchaço e elevação de volume da área afetada, aumento de peso, perda parcial da funcionalidade e alteração de estética.

Diagnóstico
É feito mediante avaliação física e sinais/sintomas clínicos. As vezes também se fazem necessárias técnicas de imagens como linfocintilografia, análise múltipla da freqüência da impedância bioelétrica (MFBIA), tonometria tecidual, ressonância magnética, tomografia computadorizada e a ultra-sonografia.

Tratamento
Vale salientar que o tratamento não é curativo e sim de controle clínico para manter o membro com o menor volume possível e possibilitar ao paciente maior qualidade de vida e integração social. Consiste de várias técnicas aplicadas em conjunto, de acordo com a fase em que se encontra a doença: cuidados com a pele, drenagem linfática, uso de botas de compressão pneumática, contenção na forma de enfaixamento ou por luvas/braçadeiras e cinesioterapia específica.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest