clinicabessaago21
clinicabessaago21

Trauma vascular

O que é
Destruição dos vasos sanguíneos que nutrem importantes áreas do organismo. Esta interrupção abrupta do suprimento de oxigênio pode levar à morte dos tecidos. Por isso, os fatores tempo e atendimento são fundamentais. Dependendo da gravidade, o paciente pode ter o membro lesado amputado ou até mesmo chegar a óbito.

Causas
O trauma vascular está relacionado a acidentes de trabalho e à violência dos centros urbanos através de incidentes com armas de fogo ou arma branca (faca, vidro e madeira).

Tipos
Esses ferimentos se dividem em quatro grupos: contusos (típicos dos acidentes de trânsito); incisos (relacionados a armas brancas ou objetos cortantes); perfuro contusos (causados por armas de fogo, podem provocar lesões associadas) e compressão extrínseca (vasos que acabam comprimidos por fragmentos ósseos e hematomas e evoluem para obstrução).

Diagnóstico
O médico localiza a hemorragia ou aumento de volume da área atingida que vem acompanhada de diminuição de temperatura e palidez do membro afetado com ausência de pulsos distais à lesão.
Pode haver ainda a necessidade de exames complementares como a arteriografia (fornece informações úteis com relação à localização e ao grau de envolvimento dos vasos) e a flebografia (realizado quando existe lesão venosa).

Tratamento
Transferência do paciente para uma unidade hospitalar onde tenha cirurgião vascular de plantão para a correção da lesão no tempo adequado. Durante este transporte devem-se realizar medidas tais como: compressão do local da ferida e elevação do membro lesado. A importância da correção efetiva destas lesões favorece a reabilitação precoce destes pacientes. Já as lesões não corrigidas de forma eficaz podem levar a sérias complicações de limitações funcionais até a perda do membro.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest