clinicabessaago21
clinicabessaago21

Trombose venosa profunda de membros inferiores

O que é
Doença caracterizada pela formação de trombos (coágulos) nas veias profundas dos membros inferiores.

Fatores de risco
Estar acima do peso, apresentar varizes nas perdas, estar grávida (na gestante, o risco é oito vezes maior), etapa de pós-parto (as chances crescem ainda mais), histórico familiar, ser cardíaco ou portador de doença crônica pulmonar, estar com câncer, ter sido vítima de acidente vascular cerebral (AVC), ter fraturado algum membro, usar certos anticoncepcionais ou quimioterápicos, fase seguinte de cirurgias e viagens longas.

Sintomas
A suspeita de TVP se dá quando há dor e edema (inchaço) de maneira repentina e de um lado só.

Tratamentos
Depende da gravidade, extensão e localização da trombose, bem como das doenças de base do paciente e das causas da TVP. Inclui repouso com o membro doente elevado, medicamentos anticoagulantes (injetáveis ou orais) e fibrinolíticos (drogas que dissolvem o coágulo e são injetáveis) e até cirurgia (trombectomia venosa – retirada mecânica do coágulo).
Outra possibilidade é a técnica endovascular que acessa a área acometida por meio de pequenos catéteres (“fios”) introduzidos por pequenos orifícios – geralmente na virilha ou nos braços. Mesmo assim, não é indicado para todo e qualquer caso de TVP. Somente o cirurgião vascular é quem está apto a indicar o procedimento mais adequado a cada paciente.

Cuidados permanentes
– Trate devidamente as varizes (isto significa visitar o cirurgião vascular regularmente); as doenças hematológicas (do sangue) ou outros fatores de risco;
– Mantenha-se no peso ideal;
– Use hormônios sob a supervisão médica;
– Procure um hematologista ou cirurgião vascular se houver mais de um caso diagnosticado de TVP em parentes cosanguíneos.

Dicas
– Em viagens longas, procure movimentar pés e pernas frequentemente, principalmente fazendo movimentos de contração das panturrilhas (“batatas das pernas”). A cada hora é recomendável levantar-se e caminhar no corredor (avião, trem e ônibus) ou fazer pequenas paradas (carro, moto);
– Use a meia elástica prescrita pelo cirurgião vascular.

Mitos e verdades
Mito: “Eu tenho trombose.”
Verdade: A TVP não é uma doença crônica, é um acontecimento agudo que pode deixar sequelas, mesmo se tratada adequadamente.

Mito: “A trombose leva à perda da perna.”
Verdade: São extremamente raros os quadros que evoluem com perda do membro.
Mito: “A trombose mata.”
Verdade: Os quadros de TVP podem evoluir para embolia pulmonar (EP), ou seja, um coágulo vindo da perna se aloja no pulmão. Isso sim pode matar.

Mito: “A roupa apertada dá trombose.”
Verdade: O uso de roupas justas por si só não leva a quadros de TVP.
Mito: “Se eu tomar o remédio o coágulo dissolve.”
Verdade: Não. O uso dos anticoagulantes (injetáveis, orais) evita a progressão (aumento) do coágulo. Mesmo com tratamento adequado, o coágulo pode permanecer total ou parcialmente.

Colaborou Dra. Alessandra Giannantoni (CRM 104.628)
Especialista em Cirurgia Vascular e Angiologia pelo Conselho Federal de Medicina.

Conhecimento é saúde! Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest